De Regresso

Passaram dois anos, dois anos que simplesmente não me apeteceu escrever! É um luxo dar-me ao luxo de fazer o que bem me apetece!

Bem… parada não estive e fazer pausas para a maternidade é tudo menos relaxante, mas muito gratificante e realmente não há coisa melhor no mundo que um bebé! Logicamente que há o contra das alterações das patéticas hormonas, do chorar por tudo e por tudo e engordar por nada! Um verdadeiro trauma e um turbilhão de emoções e opiniões que nem sempre eram agradáveis!

Pergunta clássica nas semanas que não sabes o sexo do bebé… “O que preferes, menino ou menina?” esperando uma resposta fofinha da minha parte, mas quem me conhece (bem) sabia que ia meter a minha cara 33 e respondia – QUERO UMA MENINA!!! – Cara do perguntador – “Esta miúda é uma anormal” – Sim porque as fofinhas gostam da resposta cordial “Tanto faz, desde que venha com saúde é o que interessa” – Caramba, quando pensamos em ter um filho a primeira coisa que desejamos é que tudo corra pelo melhor, mas no fundo a maior parte das mulheres têm preferência no sexo do bebé, eu pelo menos tinha e deus fez-me a vontade!

Uma filha maravilhosa de maravilhosa de linda e nada bem comportada! Um must! Era mesmo isto que tinha encomendado…

Assim começou uma nova odisseia que recomendo!

P.s. – Para as fofinhas que olhavam para mim com ar de desgraçadinha por ter ganho 25kg na gravidez quero vos dizer que em 4 meses fiquei mais magra que as magras! É só para saberem!!! Ah e não amamentei, sou meio não a favor… Anormal eu sei 😉

VM

perfil (1)

 

Nenhum comentário ainda.

Escreva um Comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *